Vida com Estilo

/O modo de viver à sua moda

Grades do Recife: a inspiração que forja o design elaborado por alunos do “Jovem Artesão”

Sob consultoria do premiado designer Sérgio Matos, alunos do "Programa Jovem Artesão" lançam coleção de produtos inspirada nos gradis de ferro do Recife Antigo
| Por: Raquel Medeiros

Os gradis que guardam e ornam janelas, portas e varandas forjam a inspiração. As formas curvilíneas - algumas centenárias e elaboradas em ferro ainda no início do século passado - estão espalhadas pelas edificações dos bairros antigos da capital pernambucana. A partir delas, os novos artífices do Programa de Formação do Jovem Artesão sublimam detalhes para configurar padrões. Capturam o desenho rígido incorporado ao ecletismo da arquitetura da época e dele extraem o design para a coleção "Grades do Recife" composta por uma linha de vasos, luminárias, cestos e fruteiras. A produção dos objetos com uma intricada amarração de fios coloridos tem a consultoria do premiado designer mato-grossense Sergio Matos. O projeto acaba de ser lançado no Museu do Homem do Nordeste (integrado à Fundação Joaquim Nabuco), onde as peças estão à venda. 

O princípio do processo criativo tem endereço certo: Apipucos, Morro da Conceição e Casa Amarela. Os bairros são territórios habitados pelos alunos do programa e há seis meses foram por eles desbravados através do olhar escoltado pelas câmeras fotográficas. "Eles colheram imagens das grades carregadas de história, selecionaram detalhes e reproduziram o desenho em um papel cartão. A partir disso recortamos e começamos a experimentar módulos até encontrar a volumetria desejada", explica Sérgio Matos sobre o passo a passo da coleção que ganha destaque pela ousadia das formas e cores vibrantes dos fios de polipropileno.

O resultado obtido exigiu dos alunos noções de estética e conceitos gerais sobre desenvolvimento de produto. Para o designer, o mais gratificante é avaliar que cada peça feita à mão é fruto da investigação, do olhar apurado, das experiências individuais e do desejo de transformar uma ideia em algo palpável.  "Sinto-me honrado em prestar essa consultoria para a Formação do Jovem Artesão, em abrir a cabeça dos meninos para observar o entorno e nele encontrar inspiração. Sobretudo, testemunhar o esforço de cada um que chegou ao final do curso com a esperança de traçar novos caminhos", assinala Sérgio. Para os novos artífices as "Grades do Recife" abriram inúmeras possibilidades.

Serviço:

Matéria relacionada: Inspiração paraibana, sim sinhô!

Sérgio Matos: http://www.sergiojmatos.com/