Moda

/Porque é tendência estar bem informado

Modos e modas no século 20 sob o olhar de expressões artísticas

Projeto destaca a relevância da indumentária como viés da expressão e evolução sociocultural
| Por: Da Redação

Moda e comportamento alinhados à perspectiva artística e referencial. A ideia dá corpo à primeira edição do projeto Modos e Modas no século XX: a evolução do vestir sob o olhar de expressões artísticas e provoca uma reflexão sobre as características emblemáticas do século passado a partir da indumentária. A ação cultural é formatada por uma exposição que integra dez obras artísticas produzidas por criadores pernambucanos e um seminário que confronta aspectos discursivos e informativos das criações e referências apresentadas. Os debates e workshops acontecem entre os dias 3 e 6 de dezembro, em Recife, no auditório do Senac (órgão parceiro do evento). A exposição, com abertura no dia 7, tem lugar na Galeria Janete Costa, do Parque Dona Lindu, e estende-se até 20 de janeiro de 2013.

Na exposição, os autores das obras dialogam com "modos e modas" nas suas expressividades. Cada artista vai exibir uma criação inspirada na década que representa o século XX. Os criadores convidados foram 2Carois Produções - Carol Azevedo e Carol Monteiro (1900), Jaílson Marcos (1910), Eduardo Ferreira (1920), Melk Z-Da (1930), Joelson Gomes (1940), Cássio Bonfim (1950), Andrea Monteiro e Dantas Suassuna (1960), Joana Gatis (1970), Marcondes Lima (1980) e Beto Normal (1990).  Os curadores do projeto selecionaram os artistas pelos critérios da experiência, expressividade e reconhecimento de ações realizadas em Pernambuco. Uma importante premissa curatorial foi estimular a busca de novas referências e formatos que não estivessem evidenciadas nos seus trabalhos mais representativos.

A constituição da identidade contemporânea

Idealizado pela jornalista, produtora cultural e de figurino Caroline Oliveira, o projeto almeja retirar os criadores das suas zonas de conforto, conduzindo-os à uma possibilidade de atuação que fuja da expectativa inicial do público. Dessa forma, a exposição suscitará um olhar mais reflexivo sobre os alcances conceituais, narrativos e artísticos que esses artistas podem empreender; assim como uma nova percepção sobre a própria importância histórica dos modos e das modas de vestir na constituição da identidade contemporânea.

A exposição ainda vai destacar o processo e universo criativo dos artistas, projetando um documentário e apresentando fotografias que foram realizadas especialmente com cada um deles em paralelo à produção das suas obras. Vídeos arte elaborados pela artista Irma Brown e composições sonoras assinadas pelo músico Gilú (membro da Orquestra Contemporânea de Olinda), que são representativas das respectivas décadas, darão suporte à mostra.   

Para Caroline, o evento busca ampliar a relevância da história, da memória (individual e coletiva) e das expressividades nos modos de vestir, trazendo para a compreensão do senso comum a importância desses elementos. A exposição, além de incentivar a formação intelectual tanto do público quanto dos próprios artistas, ainda estimula a amplitude de pensamento e prática dos jovens iniciantes nas áreas de moda, design, artes visuais e movimentação cultural como um todo. Após a temporada da Galeria Janete Costa, a mostra segue no primeiro semestre de 2013 para Caruaru, cidade expressiva do Polo Agreste da moda pernambucana e, em seguida, circulará por outras cidades do País.

Serviço:

"Modos e Modas no século XX: a evolução do vestir sob o olhar de expressões artísticas"

Seminário: de 3 a 6 de dezembro

Onde: Auditório do Senac-PE, Recife (Av. Visconde de Suassuna, 500, Santo Amaro)

Exposição: de 7 de dezembro a 20 de janeiro de 2013

Onde: Galeria Janete Costa, Parque Dona Lindu (Av. Boa Viagem, s/n)

Informações e programação: Projeto Modos e Modas