Moda

/Porque é tendência estar bem informado

O piquenique do xadrez vichy já está servido. Você vai provar essa?

A primavera-verão traz o estilo sensual de Brigitte Bardot com o retrô da estampa francesa que continua fazendo moda
| Por: Da Redação
O piquenique do xadrez vichy já está servido. Você vai provar essa?

Com a primavera chegando é hora de  estender a toalha nos campos e nas praias e fazer aquele piquenique de combinações deliciosas com a estampa de xadrez vichy. Nas passarelas de grandes desfiles, em vitrines de marcas conceituadas às lojas de departamento, a tendência é usar os quadradinhos de cores em listras perpendiculares abertas que lembram muito as cantinas italianas.

Podemos conferir um festival de estilos vichy nos últimos desfiles das coleções resorts 2012 de marcas como Miu Miu, Chanel, Christian Louboutin e Dolce & Gabbana que contemporizou o estilo em coleções masculinas e femininas.  No Brasil, o xadrez também esteve presente na moda carioca da marca Oh, boy! como também está nas lojas de departamentos espalhadas em todo Brasil a exemplo da Renner, Riachuelo e C&A.

Apesar do tradicional deste xadrez ser o preto e branco, azul e o vermelho, nesta temporada o vichy pode vir também em cores como o laranja, verde e tons rosados. As peças podem ser inteiras da mesma cor da padronagem, como também podem vir misturadas aos tecidos lisos. As mais ousadas podem investir na mistura de estampas do xadrez com florais ou mesmo listras, desde que tenham a mesma linha de cores. Com um ar primaveril e solar, o vichy é retrô e feminino, embalado pelas cinturas marcadas e babados dos anos 50 e 60.

Se a opção não é utilizar o look completo com a estampa, o ideal é escolher apenas detalhes deste xadrez em acessórios que fazem a toda a diferença. Tem uma enorme variedade de calçados, bolsas, lenços, carteiras, bijouxs. Um dos charmes mais cobiçados deste item é o recente lançamento dos óculos de sol da D&G, produzido pela Luxottica, empresa licenciada da marca que traz uma versão vichy nas hastes, em cores vermelho, verde a azul. Em várias versões, cores, preços e jeitos de usar, a estampa veio para abrir a estação das flores e permanece por todo o verão. Aproveite e faça logo seu piquenique vichy!

 Brigitte Bardot e origem Vichy

O xadrez Vichy tem como origem o mesmo nome da cidade francesa, um lugarejo típico e conhecido por sua fabricação de tecidos de algodão para aventais e camisetas com esta mesma padronagem. O tecido é sobretudo de algodão, com sobreposição de xadrezes em tamanho médio, composto por duas cores, preto e branco, azul e branco ou vermelho e branco.

A estampa ficou popularmente conhecido nos Estados Unidos e entrou para a moda nos anos 40 e 50 nos vestidos, saias rodadas, blusas de babados, biquínis e camisas. O famoso estilo pin-up também usou e abusou do vichy, junto com o tradicional poá.  

Sua principal musa é a atriz francesa Brigitte Bardot  que imortalizou o traje no filme "E Deus Criou a Mulher", 1956,  ao usar um modelo xadrez vichy cheio de babadinhos. Imprimindo um estilo sensual e ao mesmo tempo juvenil ao tecido, Bardot ainda quebrou todos os paradigmas da moda, quando escolheu este xadrez cheio de charme para ser o tecido do vestido de noiva do seu segundo casamento, com o ator de cinema Jacques Charrier. Desde então, para se ter um certo estilo Bardot de ser, tem que ter vichy.