Espelho Meu

/Você de bem com sua imagem

Já pensou em imprimir sua maquiagem?

A Mink Makeup 3D permite imprimir maquiagem em qualquer cor a partir de uma imagem digital
| Por: Redação

A revolução das impressoras 3D reconfigura o universo da moda e materializa roupas, sapatos, joias e acessórios em um clique. Agora, para complementar a produção, a maquiagem personalizada salta de um print da tela do computador para tornar-se palpável. A novidade chega pelas mãos da designer Grace Choi que acaba de apresentar a impressora Mink Makeup na conferência TechCrunch Disrupt 2014, realizada em Nova Iorque na primeira semana de maio. Sombras, batons, bases e gloss logo poderão ser produzidos em casa, na cor que protagoniza algum editorial de beleza ou campanha publicitária das marcas internacionais que lideram o mercado da cosmética.

Ainda no formato de protótipo, a ideia da empreendedora graduada na Harvard Business School está programada para ser comercializada até o final do ano no valor de 200 dólares. Impressora e software foram desenvolvidos para que o usuário opte por uma cor - a partir de qualquer imagem digital do mundo real - e imprima o tom no item de maquiagem desejado. Na apresentação da máquina, a designer sugere que ela é capaz de localizar o código hexadecimal da cor, adicioná-lo a outros programas como Photoshop ou Paint e concretizar a impressão. A base dos produtos corresponde aos mesmos substratos aprovados pelo FDA - Food and Drug Administration (órgão regulador americano) e utilizados pelas demais marcas de maquiagem.

O make-up forjado no conceito "faça você mesmo" está dirigido às mulheres na faixa etária de 13 a 21 anos. O alvo de Grace Choi - fundamentado nas pesquisas mercadológicas sobre hábitos de consumo - leva em conta que as jovens ainda não têm laços estabelecidos com as históricas marcas cosméticas. E mais: considera este público consumidor cada vez mais focado em gratificação instantânea e soluções interativas que personalizam suas escolhas. A tecnologia proposta pela Mink - que há algumas décadas só caberia em alguma cena de filme de ficção científica - pinta uma nova ordem de comportamento dentro da indústria que troca de sombra e batom quando a moda troca de roupa.